top of page
  • Foto do escritorwytways

T2 EP5

ÂNCORA

SINOPSE:


Um marinheiro descobre como renavegar e retemperar o próprio passado.


O QUE ESPERAR?


História visceral sobre uma das maiores dores masculinas: achar-se inútil quando não se consegue ser o provedor financeiro. Como resultado, vem a vontade de "sumir do mapa" e se exilar.


FOI INSPIRADA :


Nesta imagem👇

(Pirata olha para o para o lado esquerdo melancolicamente, enquanto segura correntes de uma âncora, enroladas no próprio corpo).


CURIOSIDADES:


Esta imagem acima me passou uma sensação de peso causado, quem sabe, por algum trauma mal resolvido a ser retomado no presente.


O processo de escrita foi assim: fiz um esboço descrevendo como seria a rotina de trabalho exaustiva desse personagem. Isso me levou a comparar elementos do navio com o estado emocional dele.


Aí depois desse "aquecimento", o texto começou a se abrir, praticamente de uma tacada só.


Reescrevi a história cerca de 6 vezes até chegar na versão final.


A reescrita é fundamental, mas nessa história em específico, veio bem a calhar, porque o personagem também estava tentando reescrever o próprio passado.


Confiei no processo até achar um jeito de curar a dor do Martin no final.


Quando os textos saem assim, num fluxo muito direto, fica aquele mistério: estou escrevendo sobre mim? Ou me coloquei num lugar de suspensão da minha identidade, a ponto de experimentar, tal qual um ator, viver a vida de outra pessoa?


Claro, não dá pra ser completamente isento. Uma parte de mim fica no meio desse "blend" de ideias que é escrever, mas prefiro apostar na segunda alternativa: que estou fazendo uma "pescaria" no mar do inconsciente coletivo.


Se eu pesquei, de certa forma é meu.


Mas é seu também.


Estava no "mar".



Comments


ancora blog
bottom of page